sobre

Márcio Vilela

1978, Recife – Brasil

Vive e trabaha em Lisboa

É licenciado em fotografia pela Escola Superior de Tecnologia de Tomar e mestre pelo “European Master of Fine Art Photography” no IED Madrid.

Em 2008 foi um dos sete artistas seleccionados para o prémio Anteciparte. Em 2010 desenvolveu uma residência artística de dois anos no Carpe Diem-Arte e Pesquisa, da qual resultou a exposição individual Mono, em 2012. Neste mesmo ano foi seleccionado para o prémio “Abre Alas 8”, promovido pela galeria A Gentil Carioca, no Rio de Janeiro.

Ainda em 2012 participou de uma residência artística na Ilha de São Miguel, nos Açores, a convite da Galeria Fonseca Macedo. Desta residência resultou, em 2014, a exposição Azores, com o lançamento de um livro de artista com o mesmo nome.

Em 2014 foi convidado pelo Museu de Arte Moderna Aloísio Magalhães à realizar uma residência artística na cidade do Recife, com o intenção de desenvolver um novo trabalho sobre paisagem e estudo de cor.

Em 2015 foi um dos artistas convidados para as Residências Criativas do Pico do Refúgio, Em São Miguel.

Em 2018 é um dos artistas convidados à participar da série Um.Artista, do Canal Arte1 Brasil.

Ainda em 2018 apresenta o projecto “Estudo Cromático para o Azul” no Museu de Arte Contemporânea a de Brasilia.

Desde 2007 é docente na área da fotografia.

Suas obras estão representadas na Colecção Antonio Cachola, Museu de Arte Contemporânea de Brasília, Museu de arte Moderna Aloísio Magalhães e em diversas colecções privadas.

E-mail: marcio@marciovilela.com

Comece a digitar sua pesquisa acima e pressione Enter para pesquisar. Pressione ESC para cancelar.

De volta ao topo